"Eu nem tinha começado a conversar com aquela moça, e
a poeira forte que deu no ar ajuntou nós dois, num grosso rojo
avermelhado. Então eu entrei, tomei um café coado por mão de
mulher, tomei refresco, limonada de pêra-do-campo." 

GRANDE SERTÃO: VEREDAS
Guimarães Rosa. 

NOME INDIGENA: CABAMIXÁ-AÇÚ vem do tupi guarani e significa “erva que dá fruto que aperta a língua”, por causa da acidez do fruto, e o adjetivo Açu indica o tamanho grande do fruto. Também é chamada de Pêra do Campo, Perinha do campo, Pêra do cerrado e Cabacinha. 

Na natureza existem 2 espécies de Pêra do campo (Antes considerada variedade pelo fato de falta de material bibliográfico para uma correta identificação) A espécie que dá frutos grandes de até 10 cm e notadamente pubescentes (com pelos longos) continua sendo classificada como Eugenia klotzschiana e outra variedade nativa e encontrada por mim no estado de São Paulo que dá frutos menores de 3 a 6 cm com casca bem amarela e glabra (sem pelos) que estava classificada como Eugenia klotzschiana var. glabrata trata-se na verdade da endêmica Eugenia arenosa.

 Nativa dos campos e Cerrados de praticamente todo o Brasil.

Arbustos que formam touceiras de 60 cm a 2,5 m de altura com vários caules eretos e pouco ramificados. Os caules principais medem de 2 a 4 cm de diâmetro na base a 10 cm do solo, tem casca castanho escuro e fissurada (com estrias no sentido longitudinal). As folhas e ramos novos são densamente pilosos (com pelos curtos). As folhas são simples, opostas, oblongas (mais longa que larga), coriácea (como couro) e pubescentes (com pelos longos). A lamina foliar mede 9 a 13 cm de comprimento por 3,5 a 6,2 cm de largura; o ápice é rotundo (abaulado) ou mucronado (que termina abruptamente em ponta dura e curta), e a base é cuneada (em forma de cunha), ou obtusa (arredondada). As flores surgem em racemos (tipo de cacho) umbeliforme (com forma de guarda-chuva) ou mais notadamente axilares e subterminais com 1 a 5 flores. As flores abertas são brancas e medem 2 a 3 cm de diâmetro. 

Planta de crescimento lento, que resiste bem a geadas de até 4 graus negativos. Preferem altitudes de 450 a 960 m acima do nível do mar; mas, pode ser cultivada em altitudes ao nível do mar ou pouco mais, tendo o inconveniente de demorar mais para produzir. É resistente a períodos de estiagens longos de até 5 meses sem chuva. Quanto aos solos, aprecia os bem drenados e profundos, os quais são classificados como neossolo (areia e quartzo), latossolo (terra vermelha ou amarela) e nitossolo (terra vermelha de alta fertilidade onde a planta pode atingir 4 m de altura). Aprecia solo acido com pH entre 4,0 a 5,5. A melhor época do plantio é no verão a partir do mês de outubro. 

As sementes são grandes e devem ser semeada logo que colhida e despolpada. O melhor substrato é feito com 50% de areia de rio, 25% de casca de pinus peneirada e 25% de matéria orgânica. Convém usar sacos com 10 cm de largura e 30 cm de altura por causa do sistema radicular profundo e fazer a semeadura direta de 1 ou 2 sementes por embalagem, visto que a plântula é muito sensível ao transplante. A taxa de germinação é de 60 a 75% e a emergência se inicia com 75 a 110 dias. O crescimento das plantas é lento, e as mudas atingem 10 cm de altura em 17 meses após a germinação. 

Plantar num espaçamento de 1,5 m por 3 m em solos arenosos ou de 2,5 por 4 m em solos com boa fertilidade natural. A irrigação após o plantio é feita com 10 l de água a cada 15 dias se não chover, depois do 1 ano após o plantio não é preciso mais irrigar.

 Não é necessário fazer podas em função do pequeno porte. A capina se faz necessária pois o mato impede o desenvolvimento da planta, principalmente o capim branquearia que produz toxinas no solo e pode causar a morte da planta. Adubar com composto orgânico, esterco de vaca curtido, cinza e farinha de osso. 

Frutifica nos meses de Dezembro a Janeiro. Os frutos são consumidos preferencialmente na forma de sucos com leite ou usados para fazer sorvetes, bolos e geléias. A planta não pode faltar em projetos de recuperação dos cerrados.