Bem tratada, a terra será generosa com sua horta. Aqui você aprende a conhecer e a analisar os tipos de solo e também como lidar com cada um deles. O sucesso de sua horta vai depender, em grande parte, da terra.

Bem tratada, a terra será generosa com sua horta. Aqui você aprende a conhecer e a analisar os tipos de solo e também como lidar com cada um deles. O sucesso de sua horta vai depender, em grande parte, da terra. É dela que as hortaliças retiram os nutrientes e a água e nela encontram o ar indispensável para seu desenvolvimento. O solo brasileiro, e sua maioria, não  costuma ser fértil.

Precisa de um tratamento adequado, com uso de adubo, corretivos e técnicas, para produzir. Então, o primeiro passo é conhecer a composição e as características da terra. O ideal é fazer uma análise em laboratório.

Do ponto de vista  físico, o solo é composto  de água, ar, minerais e matéria orgânica. A predominância de um  ou outro elemento determina sua estrutura. Ele pode ser arenoso, areno-argiloso ou argiloso.

Em termos práticos isso significa:

_ O solo arenoso é fácil de ser trabalhado com a enxada, é bem arejado e absorve bem a água . Tem  o inconveniente  de não retê-la por muito tempo  e de ser mais propenso `a erosão.

- O solo argiloso é mais pesado, mais difícil de ser trabalhado com a enxada e absorve a água mais lentamente, embora tenha a capacidade de retê-la por mais tempo.

_ Os solos areno-argilosos ficam no meio termo.  Não são excessivamente leves nem demasiadamente pesados. Têm boa capacidade de retenção de água.